Ads Top

Moradores de Nilópolis devem economizar água

Os moradores de Nilópolis devem evitar o desperdício de água nesta quinta-feira. Por conta de uma manutenção preventiva da Cedae, visando a preparação para a chegada do verão, época em que o consumo aumenta, haverá uma paralisação de 24h no sistema do Guandu, que abastece o município.

A paralisação será iniciada às 8h desta quinta-feira e está programada para terminar às 8h do dia seguinte. De acordo com a companhia, o serviço vai envolver cerca de 600 profissionais. Os técnicos vão fazer uma vistoria minuciosa nos reservatórios e canais de água filtrada da estação de tratamento e nas adutoras e elevatórias do sistema.

— A parada do sistema para manutenção preventiva é uma ação de engenharia voltada à realização de serviços que permitem a estação trabalhar com melhor desempenho e confiabilidade no período do verão e executar simultaneamente centenas de serviços de manutenção preventiva, corretiva e melhorias em sistemas de distribuição e adução em toda região do Grande Rio, além de ser uma operação planejada há meses — explicou Jorge Briard, presidente da Cedae.




De acordo com a companhia, imóveis que contam com sistema interna de reserva, como cisterna e/ou caixa d´água, não deve enfrentar desabastecimento. Porém, os bairros mais distantes, localizados na chamada ponta do sistema podem ser prejudicados, como os que ficam em regiões altas e moradores de ladeiras.

A previsão é de que o abastecimento passe a se normalizar assim que o trabalho for concluído e o sistema for religado. Porém, nas regiões altas e de pontas de linha poderá demorar até 72 horas. Para não ter problemas com a falta de água, a recomendação é evitar o desperdício.




O conselho para esses consumidores é utilizar a água da forma mais racional possível. Atividades como lavar carros, encher piscinas, lavar roupas e regar jardins devem ser evitadas. O tempo de duração do banho também deve ser reduzido, por medida de economia e para fugir do desabastecimento. Um esquema especial foi montado para atender hospitais e outros órgãos essenciais com carros-pipa, segundo a Cedae.

Fonte: Extra




Nenhum comentário:

E você, o que acha deste tema? Fique a vontade para expressar sua opinião, mas não utilize ofensas nem palavras impróprias, pois seu comentário será removido.

Tecnologia do Blogger.