Ads Top

Advogados nilopolitanos conseguem vitória na Justiça contra construtora

O escritório Cardoso, Fonseca e Freitas Sociedade de Advogados, conseguiu obter, na útlima quinta-feira (11), junto à Justiça uma liminar contra a Construtora Visione Engenharia, proprietária do empreendimento Vivendas do Imperador, localizado no Centro de Nilópolis. A decisão é do juízo da 50ª Vara Cível da Comarca da Capital.
Foto: Reprodução da Internet
Segundo Antônio Freitas, um dos advogados que cuidam do caso, a consumidora, promitente compradora, não possuía mais interesse na continuação do negócio. "O desfazimento do negócio foi tentado de forma amigável porém a construtora se negou a devolver os valores já pagos", disse Dr. Antônio Freitas, justificando a ação judicial.

Acionado, o escritório, com sede no município de Nilópolis, notificou a empresa Visione Engenharia, responsável pelo empreendimento, que manteve a postura inicial. "A demanda foi distribuída e em sede de liminar, a ré Visione está proibida de realizar qualquer cobrança em face da consumidora bem como de se abster de negativar o nome da autora sob pena de multa, a ser arbitrada pelo juízo", explicou Dr. Anderson Miguel.






Vale lembrar que o Superior Tribunal de Justiça possui entendimento consolida-se no sentido que a devolução das verbas pagas, mesmo que parcial, é obrigatória e imediata.

A petição foi assinada pelos advogados Bruno Cardoso Pinto, Antonio Carlos de Freitas da Silva e Anderson Miguel Fonseca da Silva. Segundo o Dr. Bruno Cardoso Pinto, "este tipo de comportamento contra o consumidor deve ser repudiado, pois trata-se do sonho da casa próprio do Direito Constitucional de moradia", declarou.






Para quem estiver em situação parecida, pode estar entrando em contato com os telefones (21) 99560-1108, 98013-2213 ou 99376-3213, ou na Rua Alberto Teixeira da Cunha, 38, sala 408, Centro, onde poderão ter suas dúvidas esclarecidas sobre quais atitudes tomar.





Nenhum comentário:

E você, o que acha deste tema? Fique a vontade para expressar sua opinião, mas não utilize ofensas nem palavras impróprias, pois seu comentário será removido.

Tecnologia do Blogger.